Vídeo | Stock Car | Átila Abreu Fala Sobre Falha Mecânica Que Lhe Tirou a Vitória

“Foi uma pena, porque uma falha mecânica tirou o que seria minha primeira vitória em Interlagos.” Assim o sorocabano Átila Abreu resumiu a 1ª Etapa da Temporada 2013 da Stock Car. O dono do carro #51 foi o grande destaque da prova, liderando 12 das 25 voltas. Ele já administrava a vantagem para o segundo colocado nas voltas finais, quando o carro começou a falhar e perdeu rendimento, derrubando o sorocabano para 12ª posição na volta final. O piloto da equipe Mobil Super Pioneer Racing já se credenciou como um dos favoritos à prova logo na largada. Em bela manobra assim que surgiu a luz verde, ele saltou por fora na reta principal. Contornou o S do Senna já em sexto lugar. No final da primeira volta, com alguns adversários à frente entrando nos pits para reabastecimento, o carro #51 ousou. “Saímos com a estratégia em aberto. Minha ideia inicialmente era parar na primeira volta, mas quando vimos que tinha muita gente entrando resolvi permanecer na pista e arriscar”, relatou o piloto. “Procuramos ficar na pista, já que ele estava com ritmo bom e ia acabar com pista livre. Muita gente parou nas duas primeiras voltas e ficaram brigando. Nós arriscamos e ficamos na pista. Com o rendimento melhor andando sozinho, deu para voltar na frente daquele pessoal. Foi um risco sim, mas era o que ia tirar o Átila de sexto pra ganhar a corrida”, comentou o engenheiro Thiago Meneghel, chefe da equipe Mobil Super Pioneer. “Funcionou perfeitamente”, disse Átila. “Voltei com mais de 4s de margem para o Cacá e já estava controlando a vantagem. A equipe me passava o tempo dele e eu fazia voltas no mesmo ritmo. Então comecei a ter problemas. Acho que foi a bomba de combustível ou o pescador.” O piloto enfatizou que o carro #51 teria autonomia para completar a prova. Quando passou pelo box, a equipe Mobil Super Pioneer Racing teve o cuidado de abastecer o Chevrolet Sonic de Átila Abreu com um litro além do necessário para finalizar a prova. “O desempenho foi bem consistente e claro que isso anima em termos de campeonato. Focamos boa parte dos treinos do sábado na performance de corrida, com saídas longas buscando confiabilidade em especial no pneu que ninguém conhecia. A classificação acabou sacrificada, mas no fim das contas acabou sendo adequado para a prova”, avaliou Meneghel. Átila, apesar de evidentemente aborrecido pela vitória que escapou por pouco, também fez um balanço positivo do primeiro final de semana da temporada da Stock Car. “No geral, fizemos um bom trabalho considerando os pneus novos e tudo mais. No final do dia, terminar com alguns pontos numa prova em que tivemos uma quebra, até que não foi tão ruim. Espero que a dose de falta de sorte de 2013 tenha acabado aqui”. Companheiro do sorocabano na equipe Mobil Super Pioneer Racing, Nonô Figueiredo terminou a prova em 24º lugar. A segunda etapa da Stock Car acontece dentro de duas semanas, em Curitiba. No ano passado, Átila Abreu foi terceiro na primeira passagem da categoria pelo autódromo da capital paranaense e vencer a segunda de ponta a ponta.


Átila Bareu Fala da 1ª Etapa em Interlagos | São Paulo-SP | 03.MAR.2013

Classificação do campeonato após a 1ª etapa:
1º) Caca Bueno, 24 pontos
2º) Valdeno Brito, 20
3º) Ricardo Mauricio, 18
4º) Daniel Serra, 17
5º) Tuka Rocha, 16,
6º) Max Wilson, 15,
7º) Allam Khodair, 14,
8º) Luciano Burti, 13
9º) Fábio Fogaça, 12
10º) Rafa Mattos, 11
11º) Galid Osman, 10
12º) Átila Abreu, 9
13º) Marcos Gomes, 8
14º) Ricardo Sperafico, 7
15º) Lico Kaesemodel, 6
16º) Diego Nunes, 5
17º) Wellington Justino, 4
18º) Vitor Gens, 3
19º) Thiago Camilo, 2
20º) Duda Pamplona, 1

Both comments and pings are currently closed.

Comments Closed

Comments are closed.